Swift

Resenha Redenção: Legionella

Primeiro tenho que agradecer ao Marcelo pela incrível chance de resenhar sua obra!
Agora, vamos falar sobre a melhor ficção científica brasileira desde Hegemonia.


O livro se passa no século XXVI, onde cientistas criaram modos de geneticamente rastrear seus antepassados, separando o mundo em grupos de pessoas com descendência semelhante. Entretanto, um grupo anônimo que se intitula PPP, desenvolve uma bactéria evoluída da pneumonia, a Legionella Pneumophila que ataca apenas certa descendência. Quando é descoberto que o ataque é seletivo, um grupo de médicos e cientistas é formado para combater a doença que mata milhares.

Peter Brose, nosso protagonista e casado com Mirtes, é formado em Investigação Digital e Psicologia Digital (sim, duas graduações, o que não é pouco dado o fato que ele tem 127 anos. Aham, isso mesmo, no futuro meio que utópico a pessoa rejuvenesce a cada 40 anos e pode assim formar nova família, arrumar novo trabalho, etc., mas ainda assim é preso a lei que só lhe concede direito a ter dois filhos) e foi convidado por grandes autoridades a descobrir quem são os responsáveis pela peste que mata em apenas 24h. Junto com uma equipe muito qualificada de todo o mundo, eles se reunem na África e começam a caça à cura da Legionella:



O livro de início me desapontou um tanto quanto a escrita, achei meio enrolada, mas depois que você se lembra que o autor foi comparado com Asimov, você lembra o que são todos os detalhes que ambos gostam de explicar com muito denodo. Não que isso seja ruim. Pelo contrário, quando você pega o ritmo você não para mais, o livro te leva do interior dos Estados Unidos até Recife, até Quênia, até o subterrâneo de Xangai. Ele te carrega, de um jeito bom.

Eu super recomendo o livro, galares! A série deve ser toda de matar, com certeza vale a pena. E mais: por mais que isso pareça uma novidade, não é, já está aí por um tempinho, você pode comprar o livro na Amazon clicando na imagem na sidebar do blog, ou nesse link aqui.

Quote favorita:



Autor: M. A. Costa
Ano de publicação: 2014
Editora: Livros Ilimitados
Classificação:

E NÃO É SÓ ISSO, MIGOS! Essa semana chegou aqui em casa as Crônicas da Redenção, livro spin-off (esse termo se encaixa aqui?) da série, estou muito ansioso pra ler e resenhar. Agora acabou, podem ir. Até a próxima!

Leia Também

1 comentários


  1. So in love with your blog! You've got such a fresh style and it really is a pleasure to read it!
    Would you like to follow each other on GFC? If yes just let me know once done and I'll be right back!
    xoxo
    Patricia http://patriciacori.blogspot.ch

    ResponderExcluir